BlogBlogs.Com.Br

17 julho 2008

Presente de aniversário

O aniversário de Vitinho estava se aproximando. Onze anos. Não era todo dia que alguém completava onze anos. Era com essa idade que as pessoas iam para Hogwarts. Era com essa idade que os meninos começavam a capturar Pokémons. E ele ainda acreditava veementemente que isso poderia acontecer.

Mas só a idéia de uma festa já o deixava empolgado. Pena que ele não ia poder ver nada do que iria acontecer. Ele não era capaz. Um acidente lhe tirara a visão quando ainda era apenas um bebê. Não tinha uma lembrança visual sequer. Quando se esforçava, lembrava apenas de um borrão preto. E nada mais.

Só que isso não iria impedir que ele aproveitasse ao máximo seu aniversário. Já estava tudo preparado em meados de março. Os pedidos já haviam sido feitos e Vítor sinceramente esperava que seus pais atendessem todos. Eram coisas simples, como um peão, uma pokébola, um ursinho de pelúcia novo, um videogame, um computador, um carrinho de controle remoto...

Por volta do dia 25, seu pai chegou e lhe deu uma notícia bastante inesperada:

- Vitinho, você não vai acreditar no que o seu pai encontrou.

- O que você encontrou? – perguntou o menino empolgado.

- Eu encontrei um colírio que vai resolver todos os seus problemas. Com apenas algumas gotas, ele é capaz de fazer qualquer criança cega enxergar. É a mais alta tecnologia disponível no Brasil.

- Me dá pai! Eu quero esse colírio agora!

- Calma – tranqüilizou o pai – vou pingá-lo no dia do seu aniversário, quando a família estiver toda reunida, quando todos os seus amiguinhos estiverem por aqui.

O menino saiu empolgado. Ia poder ver. Ver como era seu rosto, seu corpo. Ver se ele se parecia com seu pai ou com sua mãe. Ver o céu, as árvores, os cachorros, os patos, os leões, o Pikachu, sua professora, seus amigos, sua bengala, seus óculos escuros, as flores, enfim... tudo!

Mal podia esperar pela data simbólica. Não conseguia dormir direito. Dia 26 passou muito devagar. Dia 27 não queria passar nem com muita reza. Dia 28 custou para terminar. O garoto não conseguia mais se concentrar em suas aulas, nem mesmo assistir desenhos o empolgava.

Dia 31 chegou vagarosamente:

- Pai! Pai! Pai! É amanhã! Por favor, pinga o colírio nos meus olhos para que eu possa ver as pessoas na minha festinha.

- Calma filho. Quando o relógio apitar hoje pela última vez, vamos estar todos reunidos para ver esse momento histórico.

Bem próximo da meia noite, Vítor já estava sentado, esperando. Conseguia sentir as pessoas se aproximando e ficando ao seu redor. Eram muitos e, pelas vozes, não havia faltado ninguém. Escutava as vozes dos seus amigos, dos parentes e professores. Quanto mais rápido chegasse a hora, mais rápido ele poderia vê-los.

Piii, Piii, Piii, Piii, Piii, Piii, Piii, Piii, Piii, Piii...

Faltavam só dois apitos do relógio. Seu corpo já saltava em um frenesi desesperado.

Piii, Piii.

E o garoto sentiu algo molhado em seus olhos. O pai pediu que ele não abrisse os olhos por dez segundos. O garoto já não agüentava mais. Abriu os olhos, viu uma escuridão e ouviu um coro que dizia:

-Primeiro de abril!

17 comentários:

Brunín...® disse...

Esse texto foi um desfio... era para eu fazer um conto de humor negro.
Se você cegou ao final rindo e com uma vontade de me matar por ter escrito isso, atingi meu objetivo ^^

valu disse...

nuhhh e como atingiuuu!
uahuahuahah
q paiaaaa...

valu disse...

mas claro que ficou mto bom! vc tem a manha de escrever! Parabéns!

xuxu disse...

Uhuul curti curti mt :DD

ps: te coloquei como dika no meu blog.

bjs

xuxu disse...

ahhhah ser torcedora do Flu me mata! Um dia eu morro do <3

ºDreº disse...

Cara q triste
isso foi mto triste!
hheeeheheheh
Beijos

binha disse...

ai que tristeza.
pobre frango !
http://portrasdafranja.blogspot.com

Duda Duarte disse...

=/
Tadinhooo !rs
Eu jah tinha lido algo parecido, mas ficou perfeito ! hehehehe

beijoos!
http://poderdafala.blogspot.com/

Duda Duarte disse...

=/
Tadinhooo !rs
Eu jah tinha lido algo parecido, mas ficou perfeito ! hehehehe

beijoos!
http://poderdafala.blogspot.com/

Mila disse...

sim sim... você alcançou seu objetivo!!!

auhauahauhau
q paia!!! rsrs

Santaninha!!!

Flor disse...

A Irlanda é linda mesmo... Agora o PS: Eu te amo, acho muito irreal, mas seu cenário não deixa a desejar...
Agora vc é uma pessoa muito ruim, sabia? Coitado do garoto cego... Eu lendo a história, doida para saber se realizou o sonho e era 1º de abril. Senti muita raiva de vc...

Beijos e valeu pela sua visita no
http://estoucomapalavra.blogspot.com/

Aluada disse...

Ai que triste cara,criativo, talentoso,porém triste...
Valeu pela visita no meu blog e a continuação tá la´.Espero que goste, e continue lendo meus textos...

Nany Mckenzie disse...

É bem criativomas muito triste realmente. :/
Quando o comentário no meu blog,teria medo se alguém desse uma indireta tipo "talvez um dia eu faça um rock com o seu nome e você entenda", kaposkpoakspokas'
acho que não deveria ter medo e sim ficar preocupado em não magoar a pessoa,caso você não corresponda o mesmo desejo que ela.

xoxo ;*

Gessica Santiago disse...

TOIN !!!!!

Eu lá com a maior expectativa!!!

Gostei do Blog !!!

Criativo você!!!

Beijosss !

~anna. disse...

Eu já ouvi isso em algum lugar. Você se baseou numa piada de humo negro, né?
Cara, odeio essa piada, sério.
Mas ficou bacana, o conto
=)

;*

H. R. Silva disse...

Bela versao Bruno!!

SACANAGEMMM!!! rsrs...

tenho do do moleque!

P.S.: voltei ao mundo dos blogs, definitivemente espero! E vc tem q publicar mais hora!

flws

Natália Coelho disse...

Bruno!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Que humor negro!!!!
Eu toda sentida com a história do menino que queria ver o pikachu(aliás,acho q pokemon e hogwarts citados no texto,são influências da sua infância ne?Faltou o nintendo aí,haussha),mas voltando ao assunto, foi mto engraçado o final e totalmente inesperado!
Como sempre, seu texto tá ótimo!
fui-me!